COMO SURGIU O SÍMBOLO DE ACESSIBILIDADE?

By  |  0 Comments

Como surgiu o símbolo de acessibilidade? – Este símbolo muito conhecido no mundo inteiro surgiu em 1969, através de um concurso internacional promovido pela Organização das Nações Unidas. A autoria é de uma designer holandesa, cujo nome agora me falha a memória. Mas este símbolo de acessibilidade, nos últimos tempos, vem incomodado os cadeirantes e demais pessoas com mobilidade reduzida, porque ele retrata as pessoas com deficiência de modo muito passivo e dependente de auxílio de outras pessoas.

Como surgiu o símbolo de acessibilidade? – Este incômodo foi resolvido por um grupo de estudantes da cidade de Boston, Estados Unidos. Este grupo criou um desenho onde o cadeirante aparece tocando a própria cadeira de rodas, o que transmite a ideia de proatividade, de independencia. Este é o conceito que todos nós, pessoas com deficiência, queremos que seja transmitido. Afinal de contas, só necessitamos de ajuda se o lugar não possuir acessibilidade da maneira correta, como deve ser.

Como surgiu o símbolo de acessibilidade? Você já tinha pensado nisso?

recentemente a Organização das Nações Unidas – ONU — resolveu ampliar a ideia de acessibilidade. Resolveram pensar um desenho que abrangesse todas as pessoas com deficiência e mobilidade reduzida, não apenas os cadeirantes. Então lançaram um novo desenho para transmitir esse conceito de acessibilidade universal.

Em nosso vídeo procuramos mostrar, de modo bem resumido e dinâmico, toda a evolução da ideia de acessibilidade, do conceito sobre as pessoas com deficiência e com mobilidade reduzida.

Símbolos indicativos de que este ou aquele local é acessível ou é exclusivo para cadeirantes e pessoas com deficiência é que não faltam. O que falta em nosso querido Brasil é respeito por parte da população. Ainda sofremos demais com pessoas que estacionam indevidamente seus carros nas vagas de cadeirantes, estacionam na frente das rampas, bloqueando assim a nossa passagem. Sofremos com discriminação na hora de arrumar emprego. Enfim, o maior de todos os nossos obstáculos continua sendo o maldito preconceito e o desrespeito para com nossas diferenças.

FONTE: vaicadeirante.com

Comments

happywheels

Deixe uma resposta

ChatClick here to chat!+
Ver peliculas online
%d blogueiros gostam disto: